O jazz resiste

Atualizado: Jan 18

2021 e continuamos aqui, mas não estamos sozinhos



A foto acima foi tirada num papo recente que tive com o Máximo Levy, idealizador do Jazz Nos Fundos, uma das minhas casas favoritas de jazz na cidade, referência há mais de 13 anos. A casa está fechada desde março/20, e no papo um assunto novo: Pandemia


Max lançou uma campanha de arrecadação para tentar manter vivo todo esse legado, enquanto vemos casas como o Sampa Jazz Bar fechar as portas depois de resistir até agora.


E entre um cafezinho, vi a placa apoiada na mesa, que durante tantas noites vi pendurada em algum canto da casa, respirando aquela boa música.


Triste assistir tantos lugares que dividem o mesmo propósito serem obrigados a interromper a caminhada. Ao mesmo tempo nos desperta um senso de união, ao olhar para o lado e encontrar ainda casas e iniciativas que mantém o jazz quente.

Por isso que esse artigo é dedicado a todos os colegas que ainda resistem.


Estimulo você, fã de jazz, a seguir, curtir, comentar, frequentar e consumir os perfis abaixo, pra mantermos vivo essa música que nos mantém, vivos.


Um Jazz Todo Dia


Sampa Jazz Fest


Um Jazz Por Dia


Bourbon Street


Jazz nos Fundos


Jazz B



Blue Note


All of Jazz


Ton Ton


Madeleine


Faltou alguma? Me manda aqui dennisvianez@grupocuco.com

110 visualizações0 comentário
whatsapp-logo-1.png
Email Branco.png

canais oficiais

Icone Instagram branco-03.png
Youtube Branco.png

™ JAZZ MANSION. All rights reserved