30 de abril

dia internacional do jazz

“Cinco”: novo álbum do Silva passeia pela bossa nova, samba e encontra o jazz com João Donato

O quinto álbum de estúdio do cantor capixaba chegou às plataformas digitais nesta sexta-feira (11) e em entrevista ao portal Pop Line, o artista conta mais sobre essa produção autoral e independente


Foto: Reprodução/Instagram

Silva é o tipo de artista que faz um simples acorde de violão soar como uma sinfonia de calmaria e paz. E assim ele pretende levar a vida. Artista inquieto, o cantor capixaba, de 32 anos, faz da MPB seu parque de diversões e brinca com os mais variados ritmos em “Cinco”. Com 14 músicas inéditas, o discyho passeia pela soul music e o ska, com escalas em bossa nova, jazz e no samba. E como toda boa viagem, Silva vem acompanhado de colaborações com Anitta, Criolo e João Donato.


O projeto é totalmente independente e conta com produção e mixagem do próprio cantor. Sendo o trabalho mais autoral de sua carreira, o compacto funcionou como uma espécie de bote salva-vidas durante os dias de isolamento social, devido a pandemia do novo coronavírus. “Esse disco foi muito importante pra mim, para minha quarentena, para eu passar por esse momento com uma saúde mental ok”, revela.




Vindo numa sequência de trabalhos bem sucedidos como “Silva Canta Marisa”, “Brasileiro” e o agitado “Bloco do Silva”, o compositor apostou todas as fichas no novo trabalho, que conta com melodias e instrumentação mais rebuscada. “Esse disco foi uma retomada do meu autoral. Eu estava com saudade da minha parte mais músico, produtor. E acho que foi ótimo porque evoluí muito como cantor. Esse disco veio trazendo coisas que eu gosto muito, mas não me achava capaz de bancar, como reggae, ska, jazz, samba, por exemplo. Eu era muito tímido”, revela.


Quem é boa gente nunca anda só. Para “Cinco”, Silva renova a dobradinha com Anitta na faixa “Facinho” – depois de “Fica Tudo Bem” -, e colabora com Criolo em “Soprou”, e João Donato, no hit “Quem Disse?”. Apaixonado por MPB, o cantor realizou um sonho ao dividir a canção com Donato. “São artistas que eu amo muito. O mais orixá deles é João Donato, que, pra mim, é nível cinco estrelas. Tê-lo no disco é uma honra, ele mudou a música toda. Fez um negócio lindo. Foi tudo gravado num take só, bem anos 70. É chique demais. Foi um tesão. Uma fantasia realidade”.



Confira a entrevista completa em: https://portalpopline.com.br/cinco-silva-fala-sobre-novo-album-e-parcerias-com-anitta-criolo-e-joao-donato-confira/. “Cinco” está disponível no serviço de streaming de sua preferência clicando aqui.

47 visualizações0 comentário
whatsapp-logo-1.png
Email Branco.png

canais oficiais

Icone Instagram branco-03.png
Youtube Branco.png

™ JAZZ MANSION. All rights reserved